Pode parecer confuso na primeira impressão, mas é a mais pura verdade. Ele sente sim a sua falta, mas não gosta de você. Tira da cabeça essa ideia vazia de que ele sempre volta porque você é o lar dele, porque isso não existe. Se teus braços fossem a casa dele, ele não iria embora. Se ele gostasse mesmo de você, jamais partiria. Ele parte porque não quer ficar, e volta porque sente saudade das conversas, do sexo ou qualquer outra trivialidade que você possa oferecer. Não se sinta mal, apenas compreenda e aceite. Ele quem é ele é, e não vai mudar. Continue se achar que te basta, mas como sei que tudo isso te incomoda, te aconselho a ir embora você.

Para de deixar ele voltar sempre que bem entender, e encerre isso você. Vá embora de vez.

A saudade atormenta e instiga, e faz com que passemos por cima da vergonha da cara e voltemos a passar por velhos caminhos. E embora eu ache isso poético e bonito, é também burrice. É indício de que o que existe no tal caminho é bom, mas não o suficiente para me fazer ficar e desistir de ir embora. Não se engane só porque ele diz que sente sua falta, e ele sente mesmo. Mas ele não gosta de você. E pior, se gosta, não gosta o suficiente. Não se coloca nessa situação de ser a garota que não é o suficiente, daquela que serve apenas para o fim de noite. Você é melhor que tudo isso e merece muito mais. Mas não vai conseguir mudar essa situação enquanto não perceber isso e romper com tudo. Deixa ele ir embora e ficar por lá. E se ele voltar, bate a porta e joga a chave fora.

Saudade é bom, mas saudade não basta menina. O que importa é a verdade do sentimento, e isso ele não sente. Pelo menos, não de verdade.

Apesar de dolorido imaginar que apesar dos risos, da saudade correspondida e de toda a volúpia que envolve vocês dois não é suficiente, mas difícil ainda é pensar que quem se mantém nessa situação é você. A saudade e a comodidade vai fazer ele voltar sempre, apenas você poderá acabar com isso e mudar a situação. Seu colo não passa de uma distração, do que chega no final de semana e parte na segunda. Você merece mais: merece mais que saudade, você merece amor.